Pular para conteúdo Pular para menu de navegação
Voltar

Novidade

Quanta proteção é necessária?

A luz solar pode causar danos massivos. Como não podemos ver ou sentir os raios ultravioleta, o Índice UV é uma ferramenta útil para nos orientar.


É comum verificarmos a previsão do tempo para planejar nosso dia, escolher as roupas certas ou apenas porque faz parte do nosso ritual diário. Se a chuva estiver na previsão, nós pegamos nosso guarda-chuva. Quando está frio, não esquecemos do casaco. E se o calor for intenso, nos preparamos com uma roupa mais leve.

Ainda assim, o que os meteorologistas têm a dizer sobre a proteção solar? Quando realmente tenho que proteger minha pele? Preciso de protetor solar, boné, óculos de sol? Como não vemos e sentimos os raios UV, não é fácil avaliar quando e se precisamos nos proteger ou não.

“É claro que um bom filtro solar é importante, mas o quanto a minha pele está exposta ao sol também importa. Se eu estou em um ambiente fechado ou quando é um dia muito nublado, então eu definitivamente não preciso de tanta proteção solar como quando estou na praia e exposto ao sol durante todo o dia. O uso do protetor solar vai depender da situação e da pessoa”, diz Marcel Schnyder, chefe do Centro Técnico Global Sun Care. "Usar o SPF 50, em qualquer situação, não faz sentido. O índice de UV me permite saber como e que tipo de proteção eu preciso para o meu dia".

Em 1995, a Organização Mundial da Saúde (World Health Organization - WHO) desenvolveu e publicou o “Global Solar UV Index” em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (United Nations Environment Program - UNEP), a Organização Meteorológica Mundial (World Meteorological Organization - WMO) e a Comissão Internacional de Proteção contra Radiações Não-Ionizantes (International Commission on Non-Ionizing Radiation Protection - ICNIRP). O objetivo é aumentar o interesse e a conscientização do público para que eles estejam mais bem informados sobre os riscos da radiação ultravioleta e saibam os passos necessários para que possam se proteger dos efeitos indesejados e prejudiciais da radiação excessiva. Semelhante à escala Richter de magnitude do terremoto, o índice UV é uma escala linear diretamente proporcional à intensidade da radiação UV que provoca queimaduras solares na pele.

Importante: Se o valor do índice for baixo, o perigo dos raios UV é baixo. Quanto maior o valor do índice, maior a intensidade da radiação UV produtora de queimaduras solares e maior a proteção solar necessária para evitar danos iniciais, como queimaduras solares.

No entanto, o índice de UV deve ser apenas um guia, uma vez que a intensidade e a distribuição dos raios dependem de vários fatores, como por exemplo: o ângulo do sol (dependendo da estação e da localização geográfica), o ozônio estratosférico, o céu nublado ou o céu azul e também as horas de pico esperadas do local naquele dia. A intensidade da radiação também é influenciada por superfícies “brilhantes”: neve, areia e água intensificam o reflexo dos raios, aumentando a exposição. Essas informações são consistentes em todo o mundo e são totalmente independentes do tipo de pele de um indivíduo.

Conheça nossa sugestão de formulação para proteção solar Water-Fresh Sun Care Gel SPF 50 .